Competitividade e Internacionalização Portugal2020

Dsolutions

A empresa Dsolutions disponibiliza o Regulamento Específico do Domínio da Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020 e colabora com as empresas interessadas na preparação de candidaturas para projetos de internacionalização com particular ênfase para o mercado finlandês.

Contatos
dulce.forte@dsolutions.pt
T -+351 96 506 22 76
Skype: dulce.forte1
Website – www.dsolutions.pt

Nordic Season – Finland in Lisbon Contemporary Art Exhibition

Nordic Season
Exposição em Lisboa, Portugal
meetiNG art gallery – Chiado
Espaço Chiado, Rua Nova da Trindade, 5C
Lisboa, Portugal

 07 mar 2015
21 mar 2015

Comisariada por:
Gonçalo Madeira
Natália Gromicho

 

Acerca da Nordic Season – Finland in Lisbon

Artistas: Helinä Hukkataival, Tero Annanolli, Ulla Remes, Elina Ruohonen, Inkeri Makkonen, Terhi Asumaniemi, Samuli Alonen, Maisa Heiskanen, Kalevi Liski y Panu Ruotsalo.

“Estamos muito contentes por ver uma exposição constituída por 10 excelentes artistas
finlandeses em Lisboa. A exposição, “Nordic Season”, comprova que a arte contemporânea está
a sair-se bem na Finlândia.
“Nordic Season” é, neste momento, um dos maiores eventos a trazer arte contemporânea a
Portugal. A anterior exposição de maior escala foi a “On the Road”, da União dos Pintores da
Finlândia (Finnish Painters’ Union), em 2004. Claro que o papel da Finlândia como país
convidado do ARCOmadrid em Fevereiro de 2014, foi útil para promover o conhecimento da arte
finlandesa na Península Ibérica.
Os artistas da “Nordic Season” são oriundos de diversas regiões da Finlândia e as suas obras
apresentam um bom resumo global da arte contemporânea finlandesa. Enquanto desejamos
muito sucesso à exposição, esperamos que também possa contribuir para o aumento do
interesse em Portugal, pela arte finlandesa, pelos artistas finlandeses e pela cultura finlandesa em
geral e fornecer uma inspiração para futuros contactos entre Portugal e a Finlândia”
Palavras de Outi Holopainen, Embaixadora da Finlândia em Lisboa

Jazz im Goethe-Garten 2015 / Finlândia “MOPO”- Pedido de Patrocinio

Mopo BandO Goethe Institut em Lisboa, encontra-se neste momento a procura de parceiros, que viabilizem a vinda da banda finlandesa de jazz “Mopo” para a edição deste ano do festival em Julho . O evento Jazz im Goethe Garten é um dos principais eventos todos os verões para os aficionados do jazz e trazem anualmente artistas de vários países europeus. No entanto seleccionam apenas entre 6 à 8 grupos (Alemanha e Portugal participantes permanentes) para a edição de cada ano, e por isso é uma honra à Finlândia terem seleccionado um grupo pelo segundo ano consecutivo. Ano passado a actuação finlandesa ficou a cargo de Mikko Innanen & Inkkvisitio.

A banda finlandesa Mopo é composto por: Linda Fredriksson (saxofone barítono, voz) – Eero Tikkanen (contrabaixo, percussões, voz) – Eeti Nieminen (bateria, percussões, voz). Mopo foi também galardoado na edição deste ano dos principais prémios da música na Finlândia, os prémios Emma, na categoria do jazz. O concerto no Goethe está planeada para o próximo dia 15 de Julho 2015. Para além do evento no Goethe a banda actua também no Hot Club de Lisboa e no Salão Brazil em Coimbra. As páginas da banda: www.mopomopo.com

O Goethe Institut solicita o patrocínio para:
– Honorários da banda 1200€
– Estadia no Hotel Lisboa Plaza à 63€ por 3 noites para 3 pessoas num total de 567€
– Deslocação de Lisboa à Coimbra, ida e volta de comboio x 3 = 120 €
– Aluguer e seguro de equipamento em Coimbra com custo estimado de 500€
Como contrapartida o patrocinador/patrocinadores terão o seu logotípo em todo o material impresso (Mupis, brochura, postais, cartazes, bilhetes de entrada, eventos na homepage do JiGG, também no programa geral do Goethe que inclui todos os eventos Abril-Julho) que será divulgado em Lisboa, Coimbra e Porto. O patrocinador também pode colocar um banner de material de publicidade no jardim. Em Abril vão levar postais do JiGG a jazzahead! em Bremen na Alemanha, que é a única feira internacional de música jazz na Europa e um dos mais importantes festivais de showcase. Vão divulgar o evento e os patrocinadores confirmados até ai no material.
O Goethe Institut está aberta a sugestões por parte dos eventuais patrocinadores para outras contrapartidas para além dos acima mencionados.
O festival costuma receber atenção da comunicação social e ano passado o Mikko Innanen & Inkkvisitio apareceram na reportagem da SIC feita sobre o festival.
JAZZ IM GOETHE-GARTEN 2015
Descrição do projecto
(1) Formato
“Jazz im Goethe-Garten” (JiGG) é um Encontro Europeu de Jazz anualmente organizado pelo Goethe-Institut Portugal no seu belo jardim, um espaço privilegiado para acontecimentos no ar livre. O objectivo desta iniciativa é a promoção do intercâmbio cultural na Europa e a apresentação do jazz europeu através de grandes talentos que se destacam pelo seu estilo musical inovador e de elevada qualidade. Desde a sua estreia em 2005, o JiGG tem se tornado num evento cada vez mais procurado e bem conhecido, com uma excelente repercussão na imprensa e junto ao público.
Onde: No jardim do Goethe-Institut em Lisboa. No caso de chover, os concertos realizam-se no auditório do Goethe-Institut.
Quem: Entre seis e oito grupos de música oriundos de países europeus, sendo a Alemanha e Portugal participantes permanentes.
Quando: Sempre no mês de Julho, ao todo seis concertos, às terças, quartas e quintas às 19 horas (duração ca. de 75 minutos).
Quanto: Os bilhetes de entrada custam 5,00 €. O preço com desconto é 3,00 €. Lotação máxima: 220 lugares.
(2) Parceiros
Cada parceiro do festival (institutos culturais e embaixadas) tem a possibilidade de convidar as suas comunidades locais, parceiros institucionais, VIPs, etc., para assistirem ao concerto que representa o seu país. As entidades participantes podem organizar no local um beberete para os seus convidados. Sendo os países participantes do JiGG na sua maioria membros da iniciativa EUNIC, é desejável tornar este festival continuadamente um “projecto EUNIC” (sem excluir outros países).
(3) Curador
O director artístico do festival JiGG é Rui Neves, grande conhecedor do mundo Jazz, fundador e actual responsável artístico do festival “Jazz em Agosto” da Fundação Calouste Gulbenkian. O curador
– sugere os grupos de jazz aos possíveis países participantes,
– é responsável pela selecção final dos grupos que constituem o programa, e
– coordena os grupos participantes e toda a comunicação com eles.
(4) Contribuições e financiamento
O Goethe-Institut Portugal assume a responsabilidade para a coordenação geral do festival e reúne as informações sobre os grupos participantes, e assegura o pagamento para:
– apresentação na comunicação social (concepção gráfica e impressão de cartazes/desdobráveis, – – – –  – – contactos com os media, publicidade na rádio),
– backstage, backline, palco,
– técnica de som e técnicos,
– atendimento ao público (através dos seus funcionários) e limpeza,
– honorários, viagem e dormidas para os grupos da Alemanha e de Portugal,
– honorário para o director artístico.
O Goethe-Institut encarrega-se da aquisição de patrocinadores e da administração das receitas provenientes da venda de bilhetes. Estas destinam-se a cobrir as despesas gerais administrativas.
Os parceiros:
– disponibilizam ao Goethe-Institut informações e amostras musicais do seu agrupamento esclarecendo ainda a sua utilização legal para reprodução na internet,
– caso necessário, recorrem a um patrocínio para co-financiar as despesas que advêm da vinda dos seus músicos
– responsabilizam-se pelos custos da viagem, dormidas e honorários dos seus músicos,
– financiam o aluguer e o seguro de instrumentos musicais adicionais que eventualmente serão necessários (p. ex. vibrafone) para a realização do concerto.
5) Contacto e mais informações
Goethe-Institut Portugal
Julia Klein
E-mail: klein@lissabon.goethe.org
Tel. 218 824 534
Homepage do projecto Jazz im Goethe-Garten: www.goethe.de/jigg
[Para navegar na programação dos anos anteriores, clique em “arquivo”]